sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Abandono de Animais...

Eu estava passeando pelos meus blogs preferidos e li um texto que me emocionou muitíssimo. É sobre o abandono de animais, sinceramente fiquei muito comovida com as palavras tão sinceras e bem articuladas da querida Scarlet Gianasi Viana do blog Amantes de Cães (coloquei o selinho do blog no meu menu a direita, uma fofura).  Pedi para publicar aqui no texto dela na íntegra e ela foi muito bacana e respondeu que se sentia muito feliz com isso. Não deixem de visitar o blog dela e ler os outros textos que são muito bacanas...


Pois bem...




Eu gostaria de saber o que leva as pessoas a abandonar animais. É por que não são humanos? Não. Tanto que o fazem com crianças, também. Mas é diferente. Geralmente, as mães abandonam em casas, instituições ou jogam em rios, mas raramente – e eu nunca sequer vi o jornal anunciar alguma vez- isso é feito com violência.


A explicação pode ser simples: a mãe, sendo ela que gerou o filho, criou um laço, uma ligação, mesmo inconscientemente. Se já é difícil abandonar uma criança à própria sorte sem conhecê-la, imagine sendo a mãe.
Não gosto de comparar os cães com seres humanos. Alguns podem até me julgar por isso, oras. Animais não pensam, não tem alma. Humanos, sim. Falam, sentem, interagem... E por aí vão os argumentos.


E é nesse caminho que o homem fica tão violento com os animais. Afinal, supostamente ninguém sentirá falta deles. Eles nem pensam mesmo. Por que seria errado, por que seria mal-trato?


Esse é o grande problema da humanidade. Está com raiva? Desconte no outro. Não pode fazer isso? Mate cruelmente um animal. Pise nos que estão doentes. Abandone por que o filhotinho cresceu demais e está dando trabalho, e faça-o jogando-o nas ruas. Não é errado, porque não é humano, por que não é a mesma espécie.


Sinceramente, podemos ter evoluído muito. Mas nossa consciência ainda é muito primitiva. Doentia, até.
Claro. Os humanos têm que vir em primeiro lugar, mas isso não quer dizer que podemos acabar com a nossa biodiversidade. A beleza das diferentes espécies, da natureza brincando com as cores e formas, mas cada uma encaixando-se no seu lugar. Um quebra-cabeça complexo. E belo.
Para quê destruir, então? Porque não preservar? Cultivar as diferenças?


E o pior é que o melhor amigo do homem é que recebe mais maltrato. Os cães confiam e amam incondicionalmente. Alguns se tornam ferozes. Mas por puro medo; pelo trauma causado pelo próprio homem.


Quando vir algum cachorro abandonado – ou qualquer outro animal -, no mínimo ligue para a veterinária mais próxima. Irão recolher o animal, e, na melhor das hipóteses, conseguirão arranjar-lhe novos donos. Além de que animais abandonados carregam doenças e podem ser perigosos para a vizinhança.

Quem dera poder chamar uma ambulância para um mendigo nas ruas, arranjar-lhe um lar e emprego.
Mas foram nos pequenos e curtos passos que a tartaruga venceu a lebre, não foram?

CONSCIENTIZE PARA UM MUNDO MELHOR



9 DEIXE SEU COMENTÁRIO CLICANDO AQUI!!!:

Amanda disse...

Vane, realmente não tem o que comentar num assunto destes... o seu texto fala tudo... eu fico passada qd vejo cenas de abandono e maus tratos com os animais... infelizmente isto é mais comum do q pensamos...
Parabéns pelo post

E tb vim aqui para te agradecer o imenso carinho q recebo de vc no meu bloguinho... na verdade estou em débito com vc nas visitas e comentários né... mas é a correria, assim q terminar o ano letivo aqui eu volto ao normal ! hehehe

Mas queria te dizer q vc já mora no meu coração! é muito querida! Bjs

Irene Moreira disse...

Realmente isso é de suma importância e o que mais vemos por aí é o mal trato , o abandono dessas criaturas indefesas. Nossa família era de cinco irmãos e cada um tinha seu bichinho de estimação sem contar o papai, a mamãe e a vovó. Um dia a minha irmã caçula (Maninha Lu) foi ao açougue e viu um filhote de gatinho chorando abandonado na rua e prestes a um carro passar por cima e ela sem pestanejar pegou no colo e levou para casa... Papai viu aquilo e falou alto ...." mais um!!!" e lá fomos todos nós pedir a ele para deixar ficar e pronto adotamos mais um bichinho e sabe qual foi o nome da gatinha .... Maisuma... e foi amada por todos nós e faz parte da nossa história. Bem conto isso para dizer que se cada um tivesse uma atitude dessa ajudaria a não encontrarmos tantos animais abandonados por aí. Vou colocar o pé no freio senão não paro. Parabéns a Scarlet e a você Vane por divulgar coisas tão importantes.Te adooro. Beijos e bom final de semana.

Priscila Ferreira disse...

Oi Vane!
Nossa, o texto é lindo! Expressa o que muitas de nós adoradoras de animais pensamos!
Eu sempre tive um sonho de poder ter bastante espaço para poder oferecer um abrigo pra estes cãezinhos lindos que encontramos pelas ruas... Dá muita pena! E isso é algo que afeta o mundo todo! Já li reportagens que na Inglaterra as pessoas quando viajam de férias abandonam seus cães na rua, e ao voltar compram outro! Achei muito absurdo! Me pergunto, se uma pessoa não se apegua a um bichinho que só precisa de amor e é atencioso e carinhoso, vai se apegar a que?!
Bjus,
Pri

Luciana Casado disse...

Oi Vane, eu acho um absurdo tb!
Tb não comparo um animal ao ser humano mas apenas acho que eles sofrem pq se acostumam com as pessoas que estão em volta, e abandonar um ser indefeso é no mínimo uma crueldade!
Adorei o texto!
Bjus, Lu

fabi disse...

Oi! Adorei sua visita, que bom ter a sua companhia lá no blog, beijos Fabi

** Juju ** disse...

Vane quem abandona animal, é capaz de abandonar o filho, matar uma criança de 2 anos numa briga de transito, gastar água potável a toa, jogar a filha pela janela ...e por aí vai.Estamos vivendo dias mto triste, onde as pessoas estão cada vez mais egoísta e inconsequentes. Mas que bom que nós podemos ler textos assim e nos sensibilizar, significa que nem tudo, ou todos se perderam.

Beijos

** Juju ** disse...

Vane quem abandona animal, é capaz de abandonar o filho, matar uma criança de 2 anos numa briga de transito, gastar água potável a toa, jogar a filha pela janela ...e por aí vai.Estamos vivendo dias mto triste, onde as pessoas estão cada vez mais egoísta e inconsequentes. Mas que bom que nós podemos ler textos assim e nos sensibilizar, significa que nem tudo, ou todos se perderam.

Beijos

Elen disse...

Muito demais esse post...

nem precisa comentar

abraços cheirosos

Santinha disse...

Infelizmente essa é uma triste realidade. Já há alguns anos sou muito envolvida com a causa. Tudo depois que resgatei uma cadela de maus tratos na rua. Depois disso adotei 7 bichos. Todos são muito bem cuidados, vacinados e castrados, além dos cuidados recebem muito amor.
Se quiser dar uma espiada visite minha galeria dos amigos no flickr

http://www.flickr.com/photos/yvone/sets/72157613839426876/

bjus
yvone

Related Posts with Thumbnails
BlogBlogs.Com.Br